11 de março de 2011

Força Ana Luiza

Boa Tarde meninas, estou aqui pra contar a história de uma garotinha linda, inteligente e esperta... ela se chama Ana Luiza (nome lindo q eu amo!), tem 7 anos, é natural de Manaus - AM, mas desde Setembro de 2010, está em SP, pois tem um tipo de cancer raro. a História dela esta sendo contada no blog VidAnormal pela sua mamãe Carol.

Foto de Julho/2010

Aninha é realmente uma guerreira, pois ela tem rabdomiossarcoma, um câncer raríssimo e maligno, localizado na base do crânio, que devido a sua agressividade o número de sobreviventes é baixo.
Mas como Deus é fiel, aninha esta se recuperando bem, sendo o caso dela de recuperação também não vista em outros pacientes, mas isso tem dificultado estabelecer as diretrizes do tratamento. Após vários ciclos de quimioterapia e uma delicada cirurgia, os médicos decidiram por fazer transplante autólogo de medula para eliminar qualquer vestígio de célula cancerígena. O transplante autólogo consiste em coletar células tronco da própria Ana Luiza e então aplicar altas doses de quimioterápicos para matar qualquer célula cancerígena que por ventura ainda esteja ativa. Então as células tronco são novamente infundidas na Ana e só resta aguardar que a medula volte a funcionar normalmente, o que pode demorar até 10 dias.


Entretanto os quimioterápicos matam também as células saudáveis. Como a medula é a responsável pela produção do sangue e seus componentes (plaquetas, leucócitos, neutrófilos, etc), a Aninha fica totalmente exposta a qualquer tipo de infecção já que ela não tem células de defesa para proteger o organismo. Essa é a parte mais difícil do procedimento, pois até mesmo um simples resfriado é extremamente perigoso para a pequena.

2 dias após a infusão das células tronco, Ana foi diagnosticada com penumonia fúngica e desde então permanece na UTI recebendo diáriamente 2 bolsas de sangue e 2 de plaquetas. Ela ficará na UTI até que sua medula consiga trabalhar sozinha, portanto Aninha precisa de muitos doadores de sangue e plaquetas. Para dificultar a situação, a doação não pode ser feita por seus amigos e parentes, pois são todos oriundos da região norte, e cidadãos de regiões endêmicas de malária não podem doar sangue em regiões não endêmicas. Foi aí que iniciou a grande campanha nas redes sociais para encontrar doadores de sangue para a pequena.




Então, quem mora em SP e puder colaborar com a Ana será maravilhoso, pois na verdade a aninha esta utilizando bolsas de sangue do banco de sangue do hospital q nesses casos pedem para que sejam feitas doações para reposição.

As pessoas que quiserem doar sangue (de qualquer tipo) e ajudar Ana Luiza nessa fase do tratamento podem fazê-lo em qualquer um destes endereços, bastanto informar seu nome completo (Ana Luiza Evelim Medeiros Coelho Leite):


Hospital A C Camargo
Rua Prof. Antônio Prudente, 211 – Liberdade.
Fone: (11) 21895122

Hospital do Coração
Rua Abílio Soares, 176 – Paraíso
Fone: 3053 5537

Clínica de Sangue de São Paulo
Av. Brigadeiro Luiz Antônio, 2533 – Jd Paulista.
Fone: (11) 3372 6611

A doação de plaquetas pode ser feita na Clínica de Sangue de São Paulo, preferencialmente do tipo sanguíneo A(-) ou qualquer outro tipo, de fator Rh negativo.

Lembrando que se vc não é de SP, pode doar assim mesmo, pois poderá ajudar outras pessoas... é rápido, não doi e vc ainda ajuda alguém

Bom FDS

Fontes: Post e fotos redigido através do Noiva BH e do VidAnormal

9 comentários:

Mila & Beto disse...

Nossa segurei o choro... força pra Ana Luiza.. vou colocar ela nas minhas orações...!!!

eiii povo vms doar sangueee... bjos

Ministério disse...

Olá, blogueiro (a),

Salvar vidas por meio da palavra. Isso é possível.

Participe da Campanha Nacional de Doação de Órgãos. Divulgue a importância do ato de doar. Para ser doador de órgãos, basta conversar com sua família e deixar clara a sua vontade. Não é preciso deixar nada por escrito, em nenhum documento.

Acesse http://bit.ly/cMyN1F e saiba mais.

Para obter material de divulgação, entre em contato com comunicacao@saude.gov.br

Atenciosamente,

Ministério da Saúde
Siga-nos no Twitter: www.twitter.com/minsaude

Arieli disse...

Que coisa mais triste, é um pecado uma criança passar por isso... Sorte pra ela, saúde e muita força!

Man* disse...

Nossa Juh que história!
Que menina lindaa!

Todo ano eu faço doação de sangue e já está na época de eu fazer novamente!

Estarei em Orações para que Deus ajude a Aninha a se recuperar logo!

beijoos

e te aceitei no facee =)

disse...

Nossa Ju, que história e saber que ela é apenas uma criança entre milhares que passam pela mesma situação, é muito triste!
Força pra família da Ana Luiza e que Deus abençoe essa menininha com muita saúde e que coloque essas pessoas como anjos para fazerem parte de sua história de vida!
E Ju, parabéns pelas sua inciativa nessa campanha!
Vamos doar sangue gente!!!
Beijos

Kamis disse...

Com fé em Deus ela vai tirar isso de letra ^^

bem...Acompanho o blog a pouco tempo pelo reader e amo de paixão... agora resolvi fazer um tb, é que eu ja tinha tanta coisa acumulada que ja tava enchendo meu computador kkkk

bem, espero uma visitinha viu! ^^

beijus

http://jovensnoivas.blogspot.com/

Simara disse...

Olá, adorei seu blog...

Já estou te seguindo...

Depois da uma passadinha para conhecer o meu tb???

http://simararosado.blogspot.com/

BeijO

Nani Borba disse...

Nossa que triste..
É o q sempre digo, crianças não deveriam sofrer..Elas são tão indefesas e agente que é mãe sofre com o sofrimento de outras mães e seus bebes sem msm conhecer...
Mas DEUS É MAIOR..

Cris Rodrigues disse...

Dá até um nó na garganta. Crianças não deveriam passar por isso... Linda a sua iniciativa!

Sou médica e sempre fui doadora de sangue e de órgãos. Pretendo em breve me inscrever num banco de medula e quando engravidar, doar urina para ajudar mulheres que não conseguem ter filhos.

Nosso corpo é algo maravilhoso e a saúde nossa maior riqueza. Porque não dividir isso com quem precisa??

Beijoss